Eventos
Fatec Itapetininga é destaque em solenidade cívica do MMDC

Fatec Itapetininga é destaque em solenidade cívica do MMDC

a14

Na manhã do dia 10 de Junho de 2016 foram comemorados os 84 anos da Juventude Constitucionalista do Setor Sul em Itapetininga em solenidade cívica promovida pela sucursal da Sociedade Veteranos de 32-MMDC no município, o Núcleo MMDC Paulistas de Itapetininga! As Armas!!, em parceria com o Instituto Histórico Geográfico e Genealógico de Itapetininga e com o 22º Batalhão de Polícia Militar do Interior (22º BPM/I).

A solenidade teve por finalidade comemorar a data de 23 de maio de 2016, quando há 84 anos atrás se deu o falecimento dos jovens Mário Martins de Almeida, Euclides Miragaia, Dráusio Marcondes de Sousa e Antônio Camargo de Andrade, os mesmos cujo sacrifício consignou a sigla de seus nomes para se tornar a lendária legenda MMDC que em 1932 levantou milhares de voluntários para a defesa do ideal da constitucionalização do Brasil naquele durante o maior movimento cívico da História do Estado de São Paulo – a Revolução Constitucionalista de 1932.

Realizada na sede do 22º BPM/I, a solenidade contou com a presença de autoridades civis e militares, representantes de entidades diversas, além de leitura alusiva ao significado histórico do evento, realização de discursos das autoridades presentes e a concessão da honraria Diploma de Honra ao Mérito Juventude Constitucionalista do Setor Sul a personalidades civis e militares, diploma este representativo do valor de jovens itapetininganos como Osvaldo Raphael Santiago, Francisco Fabiano Alves, João Garcia Porto, Juliana Fabiano Alves, Antenor de Oliveira Mello Júnior, Fábio Fabiano Alves, Alcindo Guanabara de Arruda e Miranda, Durvalino de Toledo, Francisco Vieira Trindade, Mário de Barros Messias, Manuel de Campos e Gustavo Borges Junior, herói itapetiningano de 32, falecido em combate por conta de três estilhaços de granada recebidos na defesa da Estação Ligiana, em Campina do Monte Alegre, localidade que como Guapiara, Buri, Rio das Almas, Ribeira, Apiai, Itararé, Campina do Monte Alegre, Itapeva, Capão Bonito, Paranapanema, Taquaral Abaixo, São Miguel Arcanjo e Itapetininga perfizeram o Setor Sul da revolução no estado, teatro de operações que foi durante os quase noventa dias que perdurou a última guerra civil brasileira.

Receberam o Diploma de Honra ao Mérito Juventude Constitucionalista do Setor Sul as seguintes personalidades civis: Prefeito Municipal de Itapetininga Hiram Ayres Monteiro Júnior, Prefeito Municipal de São Miguel Arcanjo Tsuoshi José Kodawara, Deputado Estadual Edson Giriboni de Oliveira (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo), Vereador José Davino Pereira (Câmara Municipal de Itapetininga), Sr. João Rodrigues Duarte (Núcleo MMDC de Itapetininga), Sr. Edmundo José Vasques Nogueira (Núcleo MMDC de Itapetininga), Sr. Rodrigo Gutenberg (Núcleo MMDC da Zona Norte de São Paulo), Paula Oliveira (Núcleo MMDC da Zona Norte de São Paulo) e Guarda Civil Municipal Fabio Vaz de Souza.

Quanto às personalidades militares foram elas: Cel PM Mário Fonseca Ventura (Sociedade Veteranos de 32-MMDC), Ten Cel PM Marcelo Amaral Oliveira (Comandante do 22° BPM/I), Cap PM João Paulo de Miranda, 2º Tenente Ref Pracinha Victório Nalesso, 1º Sgt PM Marcelo Ayres Branco, 1º Sgt PM Paulo Antunes Raimundo, 1º Sgt PM Jocinei Pinheiro Canguçu, 2º Sgt PM Guilherme De Barros Urciuoli, 2º Sgt PM Allison Dayan, Cb PM Antonio Marcos Vieira De Moraes, Cb PM Antonio Felicio Affonso e Cb PM Selma Silva.

Os seguintes familiares de ex-combatentes itapetininganos de 32 também foram agraciados: D. Augusta Campos Santiago, Eugenio de Carmo de Toledo, Afrânio Franco de Oliveira Mello, Amaury Garcia Porto, Helio Rubens de Arruda e Miranda, Octacílio de AraúJo Guerra Neto.

A Faculdade de Tecnologia de Itapetininga, Fatec “Prof. Antonio Belizandro Barbosa de Rezende”, na sua direção, coordenação e alunos do curso superior de tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas (ADS), estiveram presentes e foram igualmente agraciados com a honraria em reconhecimento aos relevantes serviços prestados no projeto de iniciação científica do referido curso superior tecnológico denominado MORADA DE HEROIS (http://mh.itapetininga.com.br/projeto_MH.pdf) realizado em parceria com a Sociedade Veteranos de 32-MMDC e que obteve repercussão nacional (http://globoplay.globo.com/v/4580484/) pelo resgate da história de vida de ex-combatentes de 1924, 1930, 1932 e Segunda Guerra Mundial por intermédio do emprego da tecnologia QRCODE, viabilizando a inserção da memória e dos feitos desses cidadãos no acervo digital da historiografia militar terrestre brasileira no século XXI.

Foram os agraciados da Fatec de Itapetininga: Profa. Dra. Isolina Maria Leite de Almeida (Direção), Prof. Esp. Andreia Rodrigues Casare (Coordenação ADS) e os acadêmicos de ADS Airesphy Pantojo Viotto (6º ADS), Aidyl Marques de Souza (6º ADS), Renan Arantes Ferreira da Silva (6º ADS), Cintia Akiko Tsunemoto (6º ADS), Guilherme Rosa de Moraes (5º ADS), Luiz Eduardo de Oliveira Calderan (5º ADS), Pedro Henrique Ferreira Collaço (5º ADS), Fabrizio Fernandes De Freitas (4º ADS), Pedro Augusto Ferreira (4º ADS) e Sergio Augusto Peiretti (4º ADS).

Além da concessão da referida honraria, o historiador Rodrigo Gutenberg, presidente do Núcleo MMDC da Zona Norte de São Paulo e representante da presidência da Sociedade Veteranos de 32-MMDC na solenidade concedeu aos municípios de Itapetininga e de São Miguel Arcanjo, bem como ao Núcleo MMDC de Itapetininga, a estatueta “Soldado Constitucionalista de 32” pelos relevantes serviços prestados no resgate da memória e dos feitos da Epopeia de 1932.

A Fatec de Itapetininga agradece a Sociedade Veteranos de 32-MMDC, ao 22º Batalhão de Policia Militar do Interior e ao Instituto Histórico Geográfico e Genealógico de Itapetininga pela realização da solenidade e pela honraria recebida na certeza de que a formação do tecnólogo vai além de colaborar para o crescimento tecnológico do país, contribuindo também para o enaltecimento de sua gente, história e tradições que fazem São Paulo grande por um Brasil maior.